A Anvisa suspende fabricação, distribuição, divulgação, comercialização e uso do produto Mureré Extra da empresa Ervas Amazonas.

A empresa divulgava e comercializava o produto sem possuir registro ou notificação da Anvisa e por não possuir Autorização de Funcionamento da Agência. Além disso, o produto possuía CNPJ inválido, portanto, trata-se de um produto clandestino.

A medida está na Resolução nº 779, publicada nesta sexta-feira (13/3) no Diário Oficial da União (DOU)

Fonte – Anvisa

Compartilhe esta matéria